Sábado, 16 de Dezembro de 2017

NOTÍCIAS

Sessões ordinárias são retomadas, com muitas indicações e diversos requerimentos

08/08/17
O recesso parlamentar se encerrou ao final de julho e, as sessões legislativas ordinárias da Câmara Municipal de Umuarama foram retomadas na noite da última segunda-feira (7), com três projetos na pauta de discussões, além de 92 indicações e outros 22 requerimentos, dois deles acrescidos à ordem do Dia, tratando o conteúdo de concessão de votos de aplausos.
 
O presidente recém-eleito da Associação de Imprensa de Umuarama e Região, Reginaldo Barros, fez uso da tribuna ao início dos trabalhos e destacou a importância da imprensa e dos veículos de informação de credibilidade, no resguardo com direito de acesso à informação. Além de representantes da comunidade, também acompanharam a sessão, alunos dos cursos dos Sesi, em uma visita que tem como foco ofertar aos estudantes conhecimento mais aprimorado dos processos legislativos que envolvem uma câmara municipal.
 
O início da apreciação de matérias, sendo as mesmas o Projeto de Lei Nº 049/2017 – dispondo sobre a criação do Programa Bairro Saudável, do Vereador Junior Ceranto. O conteúdo trata da efetivação de uma série de atividades comunitárias que venham a atender os bairros do município, recebendo aprovação unânime em primeira votação.
 
Posteriormente, de autoria da vereadora Ana Novais, entrou em apreciação o Projeto de Lei Nº 057/2017 – instituindo o Ipê Amarelo (Tabebuia Alba) como árvore-símbolo do Município de Umuarama. A autora da proposição apresentou emenda ao texto, alterando a classificação do conteúdo, sendo que ao invés do Ipê Amarelo, seja tão somente o Ipê a árvore símbolo do município. A matéria foi aprovada por unanimidade em primeira discussão e votação.
 
Por último, o Projeto de Decreto Legislativo Nº 20/2017, revogando o inciso I do art. 1º do Decreto Legislativo nº 17/2011. De autoria do vereador Newton Soares, o texto trata em alterações em denominações de determinadas vias públicas.